quinta-feira, 28 de maio de 2015

John Cage e Quim Barreiros



O compositor e teórico John Cage (1912 - 1992) foi um dos mais revolucionários estetas do século XX. A sua visão da arte e da música quebraram convenções e normas instituídas. Basta pensar que foi o percursor da música concreta (feita de sons e ruídos quotidianos), da música aleatória e da célebre obra de silêncio 4'33''.

John Cage tinha ideias artísticas altamente invulgares e originais que desafiavam o senso comum. Uma delas consistia em pôr 9 orquestras a tocar ao mesmo tempo as 9 sinfonias de Beethoven. Ao mesmo tempo! Foi um projecto tão ousado e inviável que nunca se concretizou. 
Isto para dizer que algum português potencialmente inspirado nesta ideia juntou, numa única faixa, todas as músicas famosas do Quim Barreiros. O resultado sonoro é cacofónico, próximo da música industrial ruidosa, numa avalanche imparável de mil músicas tocadas ao mesmo tempo. Mas estou em crer que seria certamente do agrado estético do próprio John Cage, porque para ele isto também era "música".

Ousem carregar play:
 

1 comentário:

Edgar Cavaco disse...

Epá isso é que é um título e pêras!

Curioso, ainda há poucos dias descobri um artista(?) chamado "19", que fez precisamente o mesmo que essa mixórdia inaudível do Quim mas com todas as músicas de Nine Inch Nails, Beatles, Led Zeppelin, Unwound e Aphex Twin.

Deixo o link: http://insidesmusic.com/insidesmusic/layer.html#