quinta-feira, 28 de junho de 2012

Woody Allen "dá sono"

Há uma rubrica matinal na rádio Antena 3 que se chama "Serginho na Farmville", cuja autoria é de um tal Serginho com pretensões a humorista (mas o seu humor é completamente rasteiro e sem graça nenhuma). A dita crónica tem a duração de uns escassos dois ou três minutos, nos quais Serginho dispara opiniões de pendor satírico sobre um pouco de tudo. Sempre que o ouço, quase nunca lhe acho piada. Destila um humor de pacotilha, previsível e sem rasgos de invenção, sempre recorrendo à mesma fórmula de crítica social e cultural de nível "revisteiro".
Hoje, particularmente, achei o programa lamentável. Entre outras coisas, Serginho refere que os filmes de Woody Allen, James Cameron e Fonseca e Costa lhe dão sono e que não suporta a "arte intelectual." Serginho pode ter a opinião que quiser, mas a forma como manifestou total desprezo pelo cinema de Woody Allen e outros dislates semelhantes, sem qualquer tipo de humor e coerência, revela uma mentalidade completamente preconceituosa e supérflua.
Para ouvir a crónica, abrir aqui.

5 comentários:

Unknown disse...

Caro amigo,

na minha modesta opinião nem deveria colocar aqui o link desse lixo, está apenas a fazer publicidade a um artolas que não merece qualquer consideração

Peter Gunn disse...

Realmente é lamentável o que certas pessoas dizem... Fala mal de um génio como o Allen para se for preciso dizer que os filmes do Twilight são orgasmos visuais!!!

Anónimo disse...

Nem devias colocar isto aqui, sabes perfeitamente que a maior parte dos mortais pensam como esse sujeito...

O Homem Que Sabia Demasiado disse...

Pensam mesmo? Custa-me a acreditar...

Anónimo disse...

Hoje em dia qualquer pacóvio julga-se humorista. Esquecem-se que para se fazer humor de qualidade, é necessário ser-se inteligente e não ignorante...

Luís Santos