sábado, 4 de dezembro de 2010

Peter Sellers - como arruinar uma festa


Quanto a mim, uma das melhores comédias dos anos 60 é "The Party" (1968), de Blake Edwards (mais conhecido como realizador de "Breakfast at Tifanny's" e "Pantera Cor-de-Rosa") com o grande Peter Sellers como protagonista.
Nesta película, Peter Sellers é um actor indiano desastrado que é convidado, por mero acaso, para uma festa organizada por um grande produtor de Hollywood. O filme desenrola-se integralmente numa mansão onde convivem dezenas de pessoas numa festa imparável. Sellers mostra ser um convidado completamente desastrado, capaz das maiores trapalhadas ao ponto de quase destruir a mansão e arruinar a festa.
Contado assim até parece uma comédia vulgar, mas nas mãos de Blake Edwards e tendo como protagonista Peter Sellers, "A Festa" revela-se uma sublime comédia habilmente encenada em termos narrativos e visuais. É um filme em total crescendo de comicidade, que salta de situação em situação quase de forma anárquica, provocando as cenas mais hilariantes e imprevisíveis. A rigorosa mise-en-scène de Edwards e a magnífica interpretação de Sellers são marcas fortes deste sublime filme.
Uma (de muitas) das melhores cenas de "A Festa" é esta que se passa integralmente na casa de banho: Peter Sellers "luta" com os materiais desta divisão da casa, e o resultado é absolutamente desastroso (e hilariante).
Um belo exercício de cinema que traz reminiscências da comédia burlesca de Buster Keaton.

4 comentários:

Beatrix Kiddo disse...

Também é uma das minhas comédias preferidas. Muito por causa do peter Sellers sim :)

Rato disse...

Este é dos que primeiro "salta" da prateleira quando necessito de curar algum desânimo ou mau-humor. E resulta sempre!

O Rato Cinéfilo

João Palhares disse...

Esse homem é genial! E o The Party, divertidíssimo!

Dezito (André Sousa) disse...

Hilariante! O quanto Mr. Bean foi inspirado em cenas como esta :)