domingo, 1 de maio de 2011

Ozu e X-Men na mesma capa

Num post mais abaixo referia que as revistas de cinema em Portugal são basicamente orientadas por critérios comerciais. No entanto, lá vão publicando reportagens de cineasta de culto e clássicos, para incentivar a compra por parte dos cinéfilos mais "autorais".
É o caso da Total Film: em Abril, dedicou um especial sobre Samuel Fuller; na edição de Maio, o leitor pode encontrar 5 páginas sobre o realizador japonês Yasujiro Ozu. E não menos importante: não se trata de um mero artigo importado com tradução portuguesa.
A análise à obra de Ozu é da autoria do crítico de cinema João Antunes, bem conhecido pela sua actividade de crítico de cinema há muitos anos a esta parte. E não deixa de ser curiosa e interessante a referência simultânea, na mesma capa, do blockbuster X-Men e de Ozu. Gosto desta abordagem jornalística despretensiosa.

5 comentários:

Ricardo Martins disse...

Shocking... Positively shocking.

Jack, The Ripper disse...

Como eu queria que houvessem revistas assim no Brasil...

Luís disse...

Em Portugal só agora é que começamos a ter esta sorte com revistas de cinema. Neste momento temos quatro revistas de cinema em Portugal, mas há pouco tempo atrás não havia uma sequer.
Esperemos é que não seja sol de pouca dura...

ArmPauloFer disse...

E sem dúvida que as pessoas todas vão reparar no nome... afinal o lettering está sobre um actrativo fundo (aquela peitaça hã - reparemos no "Grandes" e "O maior"...).

Boromir disse...

Também gostei Victor! Que surpresa agradavél a inclusão de pelo menos ou artigo para todos nós, os finos intelectuais.