domingo, 29 de agosto de 2010

Tati animado por Chomet

Estreia só no dia 25 de Novembro em Portugal, mas é já um dos filmes que mais anseio ver: "O Ilusionista" do realizador francês Sylvain Chomet (autor do sublime "Belleville Rendez-Vous").
Baseado num argumento original de Jacques Tati, este filme de animação relata a história de um ilusionista que tenta singrar em bares da uma comunidade rural da Escócia dos anos 50. O personagem do ilusionista é encarnado, em jeito de homenagem, pela figura física do próprio Jacques Tati.

7 comentários:

Flávio Gonçalves disse...

É dos filmes que mais espero para este ano, também.

Álvaro Martins disse...

Já o tenho aqui. Só não há ainda legendas :(
Flávio, podias meter mãos à obra eheh ;)

O Homem Que Sabia Demasiado disse...

Já tens? Mas olha que li que o filme quase não tem legendas - é como um filme mudo!

Álvaro Martins disse...

Ai é? Então já o vou ver ;) O grande problema serão mesmo as legendas se eventualmente precisar de algumas porque não percebo patavina de francês (nunca gostei). Mas olha que é fácil arranjá-lo, em 2 ou 3 horas sacas-o na boa eheh

João Lisboa disse...

Já o vi em Amsterdão, este Verão. Para quem, como eu, acha que Les Triplettes de Belleville é uma jóia do cinema, O Ilusionista foi uma pequena desilusão. Mas, calma, nada de alarmes: "pequena desilusão" por comparação com o padrão estabelecido pelas Triplettes. Tomado em si mesmo, não deixa de ser um belo filme: ingénuo, quase infantil, com um argumento um pouco esquemático compensado pela óptima animação.

E vê-lo no "The Movies" (o mais antigo cinema de Amsterdão)

http://www.themovies.nl/index.php

foi uma inesquecível experiência.

João Lisboa disse...

Ah!... e as legendas - como em quase todos os Tati - não fazem falta nenhuma.

Álvaro Martins disse...

Obrigado pela informação João ;)