sábado, 29 de maio de 2010

Dennis Hopper - RIP

Sobre Dennis Hopper escrevi alguns posts.
Não era um actor genial, não conseguiu ter uma carreira contínua de grandes interpretações, nem alcançou a estatura artística de um Marlon Brando, de um Jack Nicholson ou de um Al Pacino. Mas Dennis Hopper foi, em momentos determinantes do seu percurso, um actor de grande fulgor criativo.
Um actor que conseguiu imprimir um cunho de autêntico culto em alguns filmes chave da história do cinema. Porém, por causa dos excessos que cometeu - drogas, escândalos e alcóol -, a sua carreira foi marcada por um profundo balançar entre o sucesso e o total esquecimento. Devido a esses mesmo excessos, o próprio Dennis Hopper chegou a dizer: "I should have been dead ten times over. I believe in miracles. It’s an absolute miracle that I’m still around.”
Mais do que a sua marca essencial em "Easy Rider" ou "Blue Velvet", recordarei para sempre este actor como o louco fotojornalista em "Apocalypse Now" de Coppola.

4 comentários:

Maldonado disse...

Lamento discordar, mas sempre achei DH um actor brilhante, dada a sua versatilidade.
No resto concordo contigo.
Foi uma grande perda para o cinema americano.
RIP Dennis.

Liliana disse...

Independentemente dos altos e baixos da sua vida privada, Dennis Hopper era mesmo, a meu ver, um actor genial. Se calhar, nem sempre o talento lhe foi reconhecido devidamente. RIP

PortoMaravilha disse...

Olá Victor : Parabéns pela memória.

Discordo, todavia, quanto ao conteúdo do teu texto. Se é que o percebi bem.

Dennis Hopper, incarna a contra cultura do cinema americano (na sua maioria ). E isto após o sucesso de Easy Rider.

A sua batalha contra os estúdios leva-lo-á a tentar o cinema intimista.

Mesmo se pouco tempo antes de morrer afirma que Hollywood foi a sua escola e a sua casa, Hopper nunca negará o que sempre afirmou após Easy Rider : " Queremos fazer (fabricar) filmes íntimos, pessoais, honestos. Os estúdios pertencem ao passado".

Algo que Hollywood não lhe perdoará .

Nuno

Anónimo disse...

Antes ele do que eu :)