domingo, 22 de abril de 2012

A beleza estética de "Amelia"

La La La Human Steps é uma influente companhia canadiana de dança contemporânea fundada em 1980 pelo consagrado coreógrafo Édouard Lock. Rapidamente impôs um estilo de dança invulgar, muito físico e enérgico, com uma abordagem quase acrobática da dança (sem perder a sensibilidade mais fina). Esta companhia trabalhou com famosos músicos e grupos de rock como Frank ZappaDavid BowieEinsturzende Neubauten, ou Skinny Puppy (na concepção de coreografias ou videoclips). O líder da companhia, Édouard Lock realizou diversos filmes (curtas-metragens) com base em coreografias do próprio. A mais famosa e reconhecida (com vários prémios em festivais internacionais de cinema) é "Amelia" (2002), um extraordinário trabalho que alia a dança muito expressiva com momentos de maior serenidade. "Amelia" tem apenas a duração de 25 minutos, mas são 25 minutos de grande intensidade visual, física e musical (do notável compositor contemporâneo David Lang, que até reinterpreta o clássico "Waiting for the Man" dos Velvet Underground).
Em "Amelia", os bailarinos estão numa estranha mas visualmente expressiva caixa de madeira, aparentemente sem entradas ou saídas. Édouard Lock filma os movimentos dos corpos com fascinantes ângulos e movimentos de câmara, de forma a captar as mudanças bruscas coreográficas. A música de David Lang, composta à base de cordas e voz, é de uma grande subtileza dramática, proporcionando momentos contagiantes de movimentos corporais (por vezes os bailarinos ficam suspenso no ar, dão piruetas inesperadas...).
"Amelia" é, em suma, um fabuloso trabalho de dança contemporânea filmado com a exigência de um filme, resultando num todo artístico verdadeiramente único. Poesia para os sentidos. Tudo é brilhante nesta curta-metragem: iluminação, realização, montagem e coreografia. É impossível ficar indiferente a esta obra, mesmo para quem diz que não gosta de dança contemporânea. Pesquisei na internet e não encontrei o filme na sua totalidade, no entanto pode-se degustar oito minutos através deste expressivo excerto:

3 comentários:

ruicarvalho disse...

Já vi uma peça de dança desta companhia La La La Human Steps.É a minha segunda paixão a dança. Admiro muito o Alan Platel- inclusive falei com ele, e tenho os bilhetes assinados por ele.DANÇA FOREVER.

Anónimo disse...

Boa noite,

Antes de mais, não posso deixar de felicitar-te pelo conteúdo deste espaço, que encontrei por mero acaso, aquando de deambulações cibernáuticas. Tenho estado a explorá-lo há alguns dias, e retirado algumas referências de obras e factos que me eram desconhecidos. Relativamente a esta curta - "Amelia", despertou-me a atenção, o que me levou a uma breve pesquisa, onde me deparei com esta média-metragem(?), mas, ao invés de 25 minutos, como referes, tem a duração de quase 60 minutos. Penso tratar-se da mesma, uma vez que a companhia de dança e o coreógrafo/realizador são os mesmos.
Quero uma vez mais agradecer o contributo para o meu enriquecimento cinéfilo, e deixar o pedido de continuação com o bom trabalho.

Um abraço,
Fred

Anónimo disse...

Em anexo deixo o link do filme:

http://vdownload.eu/watch/700536-la-la-la-human-steps-amelia-a-film-by-edouard-lock.html

Abraço,
Fred