domingo, 8 de abril de 2012

Manhattan como nunca se viu

A influência é claramente da obra-prima "Koyaanisqatsi" (1982) de Godfrey Reggio, documentário que inovou com as técnicas de filmagem "time lapse" (imagens super-aceleradas em relação à realidade).
Josh Owens, conhecido pelo cognome artístico Mindrelic, passou um mês inteiro em Manhattan a filmar os planos e ângulos mais inusitados da cidade. Desse mês de filmagens resultaram 4 minutos de puro deleite visual: parece que Manhattan é suspensa no tempo e que explode em milhares de cores, movimentos e formas. Alguns movimentos de câmara e planos são verdadeiramente arrepiantes e surpreendentes, como o plano em que se vê Times Square numa perspectiva vertical (de cima para baixo). Josh Owens foi, deveras, mais além do que Godfrey Reggio (talvez também por causa da evolução técnica das máquinas de filmar digitais).
É mesmo como refere o título: "Manhattan in Motion".
Fascinante.

2 comentários:

galo porno disse...

mutatis mutandis, faz lembrar baraka...

O Homem Que Sabia Demasiado disse...

Sim, é verdade. O realizador de Baraka - Ron Fricke - foi o director de fotografia do filme Koyaanisqatsi.