quinta-feira, 26 de abril de 2012

Remakes que superam os originais

9 comentários:

Loot disse...

the fly?

Rui Gonçalves disse...

De acordo com a leitura do Victor. Porém, em relação ao «Scarface» não posso concordar. O filme do Hawks é uma obra-prima do cinema e grande percursor do género, um prodígio de encenação e economia narrativa, enquanto o «Scarface» do De Palma é obra de um cineasta competente e descaradamente copista, que nada de novo trouxe ao cinema. Com o devido respeito e apesar da natureza subjetiva do gosto, uma leitura atenta dos dois filmes coloca o remake num patamar francamente inferior...

Anónimo disse...

Não podia estar mais de acordo com o Rui Gonçalves!

Manuel Bogalheiro

Sam disse...

Boas escolhas!

Em tempos, elaborei um post (http://sozekeyser.blogspot.pt/2011/06/5-momentos-memoraveis.html) sobre o assunto e temos dois títulos em comum.

Ou uma hipotética prova de que remakes "bons" ou "capazes de superar o filme original" são mesmo raros...

Cumps cinéfilos.

Marcelo keiser disse...

O "3:10 to Yuma" de 2007 escrito por Leonard Cohen é fabuloso que até dispenso assistir o original. Me surpreendi muito com a narrativa dinâmica do longa em si tratando de um faroeste.

Abraço

Rato disse...

Concordo apenas no caso de "The Thing", única grande obra entre as citadas; mas discordo quanto ao "Cape Fear", em que o remake me pareceu tudo muito over-acting (sobretudo da parte do DeNiro). Os restantes títulos não aquecem nem arrefecem (não vi nenhuma das versões do "3:10 To Yuma").
E falta aqui obviamente o "The Fly", filme em que a remake do Cronenberg está a anos-luz do filmezinho anterior.

Daniel S. disse...

O nome deste blog também me faz relembrar outro excelente 'remake'! ;)

O Homem Que Sabia Demasiado disse...

Tens razão, Daniel! Na verdade, um remake feito pelo mesmo realizador (Hitchcock).

Álvaro Martins disse...

Concordo com o Rato, e o caso mais gritante é o do Scarface claro, o filme do De Palma nem aos calcanhares do filme do Hawks. Não vi o original do The Italian Job, mas para ser pior que o remake é preciso ser mesmo muito mau, o mesmo para o 3:10 To Yuma.

Abraço