segunda-feira, 13 de setembro de 2010

"Auschwitz"

Uwe Boll é um realizador alemão especialista em adaptar (mal) ao grande ecrã alguns videojogos de teor violento - "Alone in The Dark", "Postal", "Bloodrayne".
Um realizador sofrível e quase ignorado, portanto. No entanto, está a dar (ou vai dar) muito que falar com os seu próximo projecto: "Auschwitz". Isso mesmo: um filme sobre o campo de extermínio mais mortífero da Segunda Guerra Mundial. Mais especificamente, um filme sobre um soldado nazi (interpretado pelo próprio realizador) que guarda a porta de uma câmara de gás. Uwe Boll promete um filme seco e duro, não se fazendo rogado em mostrar toda a violência e atrocidades cometidas no infame campo do horror.
Há dias foi lançado o "teaser trailer" de "Auschwitz" e, pela amostra escassa, até que provoca calafrios e sensações fortes. Agora resta esperar pelo filme para comprovar se Uwe Boll conseguirá superar as suas fraquezas e surpreender pela positiva.

2 comentários:

Anónimo disse...

johnny guitar

este realizador é um palhaço, um anormal que faz tudo (mal) para ganhar dinheiro. Tinha uma grande expectativa quando decidi ver o seu filme, mas decepcionou me.
Alem de desrespeitar o holocausto atraves de entrevistas selecionadas previamente (de adolescentes ingnorantes acerca de temas ralacionados com o nazismo e suas consequencias) o realizador explora uma violencia gratuita, descontextualizada e sem nexo.
De 0 a 10, este filme seria classificado com nota 2.... enfim, uma total perca de tempo

Abraço Victor (e mais uma vez obrigado por este trabalho, de partilha de ideias/ opinioes e sobretudo cultura) Boas Festas!

O Homem Que Sabia Demasiado disse...

Obrigado pela opinião Johhny.

Boas festas.