quinta-feira, 27 de agosto de 2009

Bergman, by Sparks


E por falar em Ingmar Bergman, convém dizer que os Sparks (duo de músicos americanos com quase 40 anos de carreira) fizeram um álbum totalmente dedicado ao realizador sueco. "The Seduction of Ingmar Bergman" é o resultado de uma encomenda da Rádio Nacional Sueca no sentido da criação de um musical em jeito de homenagem ao cineasta de "Morangos Silvestres".
Os Sparks são um projecto multifacetado que soube adaptar-se às mudanças estéticas ocorridas ao longo das várias décadas, sem nunca perderem o faro para a experimentação pop (numa acepção muito lata) e um sentido de humor assaz subversivo (na esteira de uns The Residents). Os seus últimos três discos são notáveis peças de relojoaria e estética synth-pop (por vezes barroca), sobretudo "Lil' Beethoven" (2002) e "Hello Young Lovers" (2006).
Deste novíssimo disco de tributo a Bergman editado dia 15 de Agosto, ouvi já alguns temas que não desiludem. Muito pelo contrário...
O disco pode ser descarregado aqui.

2 comentários:

João Lisboa disse...

Um aluno meu musicou em versão-pimba os primeiros 20 minutos do "Persona". Com justificação teórica da "profanação" incluída. Ficou bem catita.

Victor Afonso disse...

Imagino que sim.